Blog da Papelaria – O blog mais Escolar do Brasil

Blog da Papelaria

Nunca é tarde para aprender algo novo!

Quanto vale uma loja de papelaria?

Quanto vale uma loja de papelaria

Quanto vale uma loja de papelaria? É uma pergunta frequente! Por isso trazemos aqui algumas dicas, tanto para quem quer comprar uma loja, como vender.

Dois meios

Para empreender neste mercado existem dois meios!

O primeiro meio é procurar um ponto comercial para alugar, comprar ou construir. Formatar o negócio, compor o estoque inicial e contratar a equipe.

A segunda forma de entrar no mercado papeleiro é comprando uma loja pronta. Uma papelaria com ponto, fornecedores, estoque e clientela própria, e com suas atividades já em andamento.

 

O que e como avaliar?

O pontapé inicial mais comum para avaliar é comparar a loja com o preço de algum negócio similar da região. Sabemos que nenhum negócio/empresa é igual ao outro, mas esta comparação serve apenas para ter uma referência. Abaixo algumas questões a serem consideradas:

 

Comercial

A análise do mercado deve ser minuciosa. Pontos essenciais para avaliar:

  • Faturamento (questões relacionadas a lucratividade do negócio);
  • Movimento(fluxo de pessoas);
  • Concorrência (quantidade e porte);
  • Perfil do consumidor local (demográfico e comportamental;
  • Ticket médio (é o valor médio que cada cliente compra em um estabelecimento)
  • Vendas on-line;
  • Periculosidade (possibilidade da ocorrência de crimes)
  • Facilidade de acesso.

São fatores importantes que interferem na expansão da área de abrangência do negócio a médio e longo prazo. Fatores relacionados a solidez e continuidade da papelaria!

 

Patrimonial e Financeira

O patrimônio de uma loja é um dos pontos que geram mais conflitos:

  • Estrutura física (avaliar imóvel em duas ou três imobiliárias locais);
  • Bens duráveis (ativos e passivos);
  • Estoque (utilizar documentos comprobatórios para definição de valor);
  • Folha de pagamento(funcionários registrados);
  • Empréstimos(cuidado com dívidas bancárias em nome da empresa);
  • Serviços com fidelidade(cuidado com contratos pré-existentes de softwares, publicidade etc);
  • Cumprir e responder por coisas acordadas pela gestão anterior.

É importante salientar que mesmo com um patrimônio menor, uma papelaria pequena pode ser mais rentável que uma grande. Depende muito dos fatores comerciais! A localização tem papel estratégico no sucesso de uma loja física, pois quanto melhor o ponto, menor o CAC (Custo de aquisição de clientes).

 

Legal

Avaliar questões legais, fiscais e tributárias da empresa junto aos órgãos públicos. É um grande erro do comprador ignorar esta parte. Na hora de comprar uma loja, seja uma papelaria ou qualquer tipo de negócio.

Nada pode ficar "debaixo do tapete".

Transparência é primordial entre os dois lados! Não esquecer de verificar se a loja se enquadra com questões de acessibilidade para deficientes físicos. Averiguar se a loja está em conformidade com as regras municipais de comunicação visual também é importante. Principalmente em São Paulo/SP.

 

Marca

Verificar quanto vale a marca é uma tarefa difícil e subjetiva. Quem vende deseja subir o valor, enquanto quem compra quer depreciar. Uma avaliação externa é fundamental. Não vale “achômetros”. Pra começar se não há registro da marca, o cálculo e a discussão ficam ardilosos. De qualquer forma, uma fonte imparcial ajuda a chegar em um consenso entre o vendedor e o comprador.

 

Dicas úteis

Como dito anteriormente, as partes interessadas podem contratar um profissional especializado para verificar o valor da loja. Importante que as partes dividam a conta para que não haja nenhum tipo de favorecimento! Não deve ser uma pessoa conhecida, como familiares ou amigos. Consultar a contabilidade do estabelecimento e solicitar um balanço geral do negócio no último ano, também é uma ótima pedida.

 

Veredito final

Profissionalizar o processo é o passo mais seguro, tanto para quem compra, como para quem vende. Definir um índice onde todos os parâmetros citados serão medidos.

Antes de discutir questões menores, é fundamental que as partes concordem qual será este índice! Quanto maior o risco do negócio, menor será o seu índice.

É fundamental deixar o coleguismo de lado. Tudo deve constar em contrato registrado. O preço não é de banana e nem de ouro. Coerência é a palavra-chave. Saber quanto vale uma papelaria ou quanto vale uma loja não é tarefa fácil.

Por não ser fácil e bastante contundente, recomendo um olhar clínico de um especialista no assunto de compra e venda de estabelecimentos comerciais, marcas e empresas. A melhor negociação é aquela que ambas as partes saem satisfeitas!

Se você já tem uma papelaria ativa e está pensando em vender, não desista, recomendo que conheça nossa parceira Brasil Escolar que pode te ajudar.

Parceira oficial:

Compartilhe:

Você pode curtir
SEJA meMBRO REDATOR

Blogue.

Populares

what you need to know

in your inbox every morning